segunda-feira, 19 de julho de 2010

4º colocado na Copa Brasil de triathlon

Olá pessoal!

Estive esse fim de semana na capital federal, onde participei da segunda etapa da Copa Brasil, Estava muito motivado, com boas esperanças de fazer uma boa prova.

Cheguei em Brasília, estava um clima muito bom, encontrei alguns amigos fiz novas amizades, estava no apartamento o Palito de Santos, grande atleta e técnico , Eu e Guilherme de taubate.

No Congresso fomos informados que teria mudado o local da prova, e que iríamos largar de um local próximo, eu não conhecia e muitos que são acostumados a fazer prova em Brasília também não.

No sábado um jantar de massas, descontração com os amigos, fomos ao shoping que ficava em frente ao hotel. fizemos algumas compras necessárias, como: agua, chocolate pra depois da prova que ninguem e de ferro e retornamos ao hotel já era 21 h por ai.

Logo deitei, pois iria acordar as 5 e meia da manha, pra já tomar o café e ir pedalando para a prova. O Café até que não era dos piores, mas nem café quente tinha, a menina que estava lá ainda disse que iria demorar mais uns 20 minutos para esquentar ... enfim, não tomei café. e só tinha suco de caju. Mas vamos em frente.

Saimos do hotel cerca de 10 atletas,, e alguns diziam saber chegar no local, mas me dei mau. rodamos mais de 20 km, e a distância real seria 8 km pra chegar na prova. mas bom que já cheguei aquecido.

Consegui me encontrar no caminho, e fui me guiando pelos prédios e pela antena e consegui chegar mais rápido na prova.

Ao chegar no local, dei de cara com uma maquina de lavar roupas. A agua estava fria, ventando um monte, e sem falar nas ondas que estava fazendo. Pra começar a falar da prova, foi uma pena ter acontecido isso, pois as provas em Brasília sempre são muito boas, a organização sempre é legal, mas dessa vez ficou muito a desejar.

O percurso de natação:
As bóias estavam muito distantes, a agua estava muito mexida, estava até perigoso, a saída era cheia de pedras inclusive pedaços de vidro pois cortei meu pé em três lugares .

A largada:
Foi muito confusa, iria largar elite, sub 23 e júnior logo depois elite sub e júnior feminino. 1 minuto depois que seria as categorias. A largada da elite foi dada, tinha atleta fora da agua ainda, teve atleta saindo da lateral, correndo pelo mato pra conseguir chegar mais perto dos que já tinham largado. Ainda mais que tinha saído tudo junto, masculino e feminino. Então seria as categorias depois, só que não tinha dado 1 minuto ainda, muitos atletas fora da agua com óculos na cabeça inclusive eu. muitas pedras, uma loucura e do nada o cara da a largada, fica todo mundo louco, eu la atrás ainda junto com varias da minha categoria.

Sai nadando que nem um louco, não enxergava um centímetro na minha frente, parecendo uma lavadeira, dando náuseas por balançar muito, não via a bóia, me guiava pelas toucas que via a frente, e se estivessem errados estaria junto. sai no segundo pelotão da agua, cerca de 1 minuto atrás do primeiro.

Percurso de ciclismo:
Muito duro, a saída na transição já era uma subida longa, e em um percurso de 4 voltas, então passaríamos 4 vezes na subida. muito vento, a média do meu pedal que fiz forte e fiquei destruído deu 34 km/h. fiquei puxando um petoli de 5 atletas, nenhum revezava. fui ficando cansado, e comecei a me preocupar com a corrida, então resolvi girar um pouco mais, mesmo assim eles não saíram da roda. sofri muito no pedal.

Corrida:

Ao fazer a transição estava em segundo atrás do Takenaka, que foi o vencedor em santos, e atrás de mim Italo que foi segundo em santos. e logo atrás vinha um atleta que ficou na minha roda o tempo todo de Brasília.
Logo na primeira volta Takenaka abriu vantagem, e passei muito quebrado a primeira volta e acabei virando em quarto. comecei a apertar o ritimo, estava decidido a buscar o Italo que estava a uns 30 metros, e foi assim até o final , quando peguei a subida da ponte que era dura, logo depois vinha uma descida e a chegada, e já estava a 10 metros do Italo, fiz muita força, forcei o ritimo até a curva da chegada mas fiquei a 5 segundos dele.

Foi uma prova muito dura, com certeza a mais difícil que fiz até hoje nos meu três anos de triathlon, mas senti muito bem em relação a minha corrida, vi que o pedal melhorou muito, e a natação não dava para ter comparação pois não nadei, apenas segui o fluxo.

Agora continuo meus treinos para a próxima etapa do troféu Brasil na Usp ou 3º etapa da Copa Brasil em Manaus. Mas para isso necessito de apoio, como estou sem... Se torna difícil tentar ficar bem em algum campeonato, pois não sei qual prova vou conseguir competir, e isso acaba sendo muito ruim, pois o desanimo bate logo quando se tem prova a vista e não sabe como ir .

Mesmo sem apoio, não desisto de treinar, tenho falado mais com meu técnico, e passado pra ele toda minha situação, assim consigo fazer meus treinos com mais tranquilidade, mais força de vontade e muita dedicação.

Agradeço a todos que me ajudam a chegar até Brasília, estou viajando apenas com a ajuda da malagueta e do sindicato Metabase catalão, e meus amigos que sempre que preciso pagam minhas passagens, hospedagens e algumas inscrições, mas não os terei sempre, então um apoio seria essencial para seguir competindo forte e buscando melhorar a cada dia , pra que no ano que vem eu comece a rodar provas mais fortes e na categoria elite.

Um forte abraço a todos, fiquem com DEUS e vamos que vamos!

6 comentários:

  1. Parabens Simon...continua firmao aí que tudo da certo!abraços

    ResponderExcluir
  2. Valeu velho!
    Obrigado pela força.
    Abç

    ResponderExcluir
  3. Eh isso ai, força e parabéns pelo resultado.... até mais

    ResponderExcluir
  4. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  5. Realmente, pelo que vc disse, a prova foi confusa, desorganizada...
    Mas mais uma vez devo dizer parabéns pela ótima colocação e mais uma prova que venceu adversidades e chegou bem!!!
    Não desanime nunca....sempre que puder, vou ajudar e te apoiar sempre....na próxima fase, em Sp, espero poder ver a prova!!
    Hehehehehe
    Tudo de bom, fica com Deus e bons treinos sempre!!!

    Bjokassssssssssssssss

    ResponderExcluir
  6. Obrigado pelos recados.
    Foi uma prova bem dificil mesmo, mas os resultados vão vir sim se deus quiser.
    Beijos e valeu pela força!

    ResponderExcluir